A história da Inclusão escolar de Tomás

 
  •  Aos 5 meses de vida nosso filho foi operado por conta da hidrocefalia. Tomás tem uma lesão neurológica. Lesão que não pode ser reparada por intervenções cirúrgicas ou por ações medicamentosas. Para os médicos, seu cérebro não é normal. Ele tem dificuldades de aprendizagem, dificuldades de interação social e dificuldades na fala. Ele é uma criança não verbal. Ainda. Por que acreditamos que ele venha a falar. Seus progressos nesses anos todos, em todas as áreas, são notados, valorizados e reforçados. Tomás estuda na mesma escola regular desde pequeno. Hoje ele tem 10 anos. A diretora da escola dele teve a idéia de contar a história de inclusão escolar de Tomás num livro infantojuvenil. A intenção com o livro era poder ajudar outras crianças, famílias e escolas em suas parcerias na área da inclusão escolar. A escritora e diretora Silmara R. Casadei, a co-autora terapeuta Vera L. Mendes Bailão e ilustrações minhas, Marilei M. V. Fernandes, mãe de Tomás. Até sua construção foi inclusiva.
 
  • O livro, EU FALO SIM. Editora Escrituras. No livro podemos encontrar, entre outras coisas: 1 - A relação de Tomás com os amiguinhos da classe, 2 - O envolvimento dos profissionais no respeito à diversidade humana, 3 - O desenvolvimento e aprendizado, 4 - A utilização do PECS funcional 5 - A abordagem pedagógica diferenciada com Intervenção Comportamental

 
  • O lançamento do livro foi na BIENAL DO LIVRO em São Paulo em 2010, com a presença das crianças da escola onde estuda Tomás. O livro foi adotado na escola, como o livro da leitura do mês nos 1os. e 3os. anos do Fund. I. As crianças que não conheciam o Tomás estavam ansiosas em conhecê-lo. Queriam conhecer "o menino que virou livro"! Era assim como as crianças falavam de Tomás. Montei um livro de registro de algumas crianças a respeito do livro. Um material encantador!

  • TUDO FOI UMA EXPERIÊNCIA ÚNICA! Inclusive com as famílias das crianças da escola que também leram o livro e deram seus testemunhos. A inclusão escolar ultrapassando os muros da escola! Envolvendo as famílias e amigos dos alunos.
 
  • Acreditamos que a partir dessa historia, muitas outras histórias de parcerias e envolvimento na inclusão escolar possam "pipocar" por todo o Brasil. Sempre recebemos emails contando-nos a respeito da aceitação e a contribuição do livro na orientação da inclusão de muitas crianças. Isso nos traz muita alegria! Afinal, inclusão quanto mais cedo começar, melhor para todas as pessoas envolvidas. Todos ganham.
Redes Sociais:
Visitantes: 166

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *