Adaptação para estudantes com TEA

Adaptação de metodologias e encaminhamentos

 

A adaptação de conteúdos serão  trabalhados a partir do conhecimento e habilidades que o estudante já possui. Segue-se com os mesmos conteúdos da turma, porém adaptando as atividades e o material didático que o estudante utilizará. Utilizando–se de:

 
  • 1.   Linguagem Visual - dicas visuais, objetos 3D, uso do computador/ imagens, pasta de apoio, (figuras, atividades com papel selal)
  • 2.   Modelo – Colocar exemplos a serem seguidos na realização de atividades
  • 3.   Flexibilização quanto a quantificação – Utilizar –se de diminuição da quantidade de questões
  • 4.   Flexibilização temporal – Diminuir o tempo de cada atividade, valorizando o conteúdo
  • 5.   Dicas de interpretação – Utilizar –se de cores diferenciadas para dar dicas das respostas
  • 6.   Aprendizagem concreta (sem grandes abstrações)
  • 7.   Aprendizagem sem erro – Ajudas físicas, visuais, auditivas, gestuais
  • 8.   Interesses restritos – aproveitamento como forma de aprendizagem
  • 9.   Uso de instruções claras, diretas e simples para cada tarefa orientada.
  • 10. Fragmentação das atividades – Dividir as tarefas em partes, aumentando as dificuldades gradativamente;
  • 11. Previsibilidade – Rotina diária - Utilizar estímulos visuais para o estabelecimento de rotina e instruções;
  • 12. Reforço positivo – Ganhar elogios, momentos no parquinho, brincar com massinha, caixa de percepção sensorial,
  • 13. Avançar para o próximo conteúdo somente quando já estiver dominado o conteúdo anterior. (situações problemas, após domínio das operações)
  • 14. Avaliação em seus progressos individuais (sem comparação com a turma)
    Abraços Inclusivos,     professora Diane Marli
Redes Sociais:
Visitantes: 174

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *