Funções dos Comportamentos
  • prof. Daniela Landin
 
  • Às vezes a função estará clara, mas outras vezes pode não estar tão clara assim. O que sabemos é que a criança está demonstrando um comportamento inadequado por uma necessidade específica. Compreender o porque o comportamento pode estar acontecendo é necessário para selecionar comportamentos mais apropriados para substituir os mais inadequados e também para criar um plano de intervenção eficaz a longo prazo.
 
  • Reforçamento Diferencial - DRI, DRA, DRO, DRL
  • Reforçamento Diferencial é a implementação de reforçar apenas o comportamento que você deseja aumentar e reter o reforçamento para as outras respostas.
 
  • DRI - Reforçamento Diferencial de Comportamentos Incompatíveis
  • Reforçar comportamentos que são incompatíveis com o comportamento inadequado e ao mesmo tempo reter o reforço para o comportamento inadequado. Comportamento inadequado: João corre pela sala frequentemente. Comportamento incompatível: Sentar na cadeira. Em sala de aula o professor ou o AT irá reforçar João quando ele estiver sentado na cadeira e reter o reforçamento quando João estiver correndo pela sala.
 
  • DRA – Reforçamento Diferencial de Comportamentos Alternativos
  • Reforçar um comportamento alternativo e mais adequado do que o comportamento inadequado. Comportamento Inadequado: Maria grita a resposta sem ser chamada. Comportamento Alternativo: Levantar a mão para falar a resposta. Em sala de aula o professor irá reforçar a Maria quando ela levantar a mão para falar a resposta e reter o reforçamento quando Maria gritar a resposta sem ser chamada.
 
  • DRO – Reforçamento Diferencial de Outros Comportamentos Reforçar a não ocorrência do comportamento inadequado em um determinado tempo ou momento específico. O reforçamento é contingente a ausência do comportamento inadequado. Comportamento inadequado: Bater a mão na cabeça. Procedimento: Entregar reforçamento se o comportamento inadequado de bater a mão na cabeça não aparecer em um determinado tempo ou em um momento específico.
 
  • DRO por intervalo: o reforço é entregue se nenhuma ocorrência do comportamento inadequado foi observada durante todo o intervalo. Qualquer instância do comportamento alvo redefine o intervalo, adiando assim o acesso ao item reforçador. Comportamento inadequado: Bater a mão na cabeça Procedimento: Colocar um timer por 1 minuto. Entregar reforçamento se o comportamento inadequado de bater a mão na cabeça não aparecer durante esse intervalo de 1 minuto.
 
  • DRO momentâneo: O reforço depende da ausência do comportamento inadequado em pontos específicos no tempo. Comportamento inadequado: Bater a mão na cabeça Procedimento: Colocar um timer por 30 segundos. Entregar reforçamento se o comportamento inadequado de bater a mão na cabeça não aparecer no momento específico que o timer tocar.
 
  • DRL – Reforçamento Diferencial de Taxas Baixas do Comportamento O DRL é utilizado para reduzir a frequência de um comportamento, mas não para eliminá-lo. Normalmente DRL é utilizado para comportamentos que são socialmente aceitáveis, mas que ocorrem com muita frequência. O procedimento consiste em reforçar um comportamento se ele ocorrer em uma taxa mais baixa, já pré-determinada. Comportamento inadequado: Pedir ajuda da professora 8 vezes para a mesma atividade. Procedimento: Reforçar se o comportamento de pedir ajuda ocorrer até 7 vezes para a mesma atividade. Após critério, reforçar se o comportamento de pedir ajuda ocorrer até 6 vezes. Depois 5 vezes, e assim por diante.
Redes Sociais:
Visitantes: 229

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *